Tag Archives: Portugal

13.º Portugal de Lés-a-Lés

É enorme o entusiasmo que rodeia mais uma edição, a 13.ª, do Portugal de Lés-a-Lés/Moviflor! A confirmação de tamanha excitação está bem patente na adesão massiva de mototuristas, ávidos para confirmar o arrebatamento prometido pelo percurso delineado pela Comissão de Mototurismo da Federação de Motociclismo de Portugal. E que vai levar colorida caravana da terra quente do Nordeste Transmontano, às brisas dos mares do Barlavento Algarvio, em ritmo de serena descoberta.

Agendado para 23 a 25 de Junho, o 13.º Portugal de Lés-a-Lés/Moviflor ligará Mogadouro a Lagoa, com paragem em Castelo de Vide, ao longo de cerca de um milhar de quilómetros por estradas nacionais, municipais e uns quantos troços de terra batida, em ligação que deixa de fora auto-estradas, Itinerários Principais ou Secundários, bem como as ex-SCUT.

Passeio turístico, em ritmo tranquilo, com horários calmos que permitem tirar o máximo partido de paisagens ímpares e de uma monumentalidade única, com visitas a locais por vezes afastados dos roteiros mais tradicionais.

Gastronomia que ajuda a conhecer cada uma das regiões atravessadas pelo 13.º Portugal de Lés-a-Lés/Moviflor, como acontecerá também nos jantares em Castelo de Vide e Lagoa, ou nos almoços em Sabugal e Vidigueira. Envolvimento das autarquias que, no caso de Mogadouro, se estende à cedência gratuita para os participantes, do moderno Parque de Campismo Municipal, a escassos 500 metros do palanque de onde, no dia 24 de Junho, os aventureiros partirão rumo ao Alto Alentejo. Viagem através de percurso muito panorâmico, com pontos de verdadeiro deleite para os sentidos, nos concelhos de Torre de Moncorvo, Freixo-de-Espada-à-Cinta, Figueira de Castelo Rodrigo ou Almeida. Pelo meio duas passagens, não menos espectaculares, pelo Vale do Sabor, a visita à monumentalidade de Sabugal, com olhar pelo famoso Castelo das Cinco Quinas, antes do almoço em retemperadora paragem junto ao Côa. A continuação pelas sossegadas estradas raianas levará os aventureiros até ao centro histórico de Castelo de Vide, com chegada particularmente interessante, incluindo passagem pela Fonte da Vila.

Envolvimento histórico que se prolonga logo no início da segunda etapa, até Lagoa, com a presença na cerimónia de descerramento da placa comemorativa dos 500 anos de foral da vila de Póvoa e Meadas, antes da sempre apreciada travessia do interminável Alentejo, cruzando, sempre por estradas secundárias, as brancas e sossegadas povoações esparsas, cuja companhia mais assídua são as cegonhas! Pontos altos do segundo dia, a travessia a vau da Ribeira da Seda, a curiosa Capela do Calvário, em Ferreira do Alentejo, as ruínas de S. Cucufate e o gaspacho que será serviço ao almoço, na Vidigueira, tradicional prato frio, excelente para ajudar a combater o calor numa tirada previsivelmente quente.

O jantar, na FATACIL, marcará o encerramento da edição de 2011 do Portugal de Lés-a-Lés, o maior evento, em termos de participantes, do mototurismo europeu, organização da Federação de Motociclismo de Portugal com os imprescindíveis apoios da Moviflor e da BMW Portugal e Michelin.

Fonte: http://www.cm-castelo-vide.pt/noticia.php?noticia=653

Anúncios