Actividades

ALENTEJO

“Alentejo é um mundo de diversidade, com locais fascinantes para visitar e programas para todas as idades. Explore a região e descubra o lugar ideal para as suas próximas férias em família. Respire a brisa atlântica em praias fabulosas, com extensos areais ou recortadas por falésias, que proporcionam condições óptimas para a prática de desporto e para as brincadeiras das crianças.

Aventure-se em parques com animais selvagens ou aprenda com os seus filhos os nomes e os hábitos dos bichos da quinta. Sorria com os golfinhos do Sado. Conheça a riqueza da fauna e da flora alentejana em passeios e visitas a zonas protegidas, entre belíssimas paisagens. Sinta a animação das albufeiras e dos centros fluviais de lazer, verdadeiros oásis onde há sempre alguma coisa a acontecer.

Explore a cultura e a criatividade familiar nos interessantes museus da região e viaje até ao passado percorrendo o riquíssimo património de vilas e cidades hospitaleiras. E antes de partir junte a família num piquenique. Uma experiência em contacto com a natureza que por certo ficará para sempre guardada no álbum das melhores memórias familiares.”

Viage cá dentro e descubra o que de melhor o nosso País tem

– Disfrute de mais de uma centena de quilómetros de costa atlântica, alongando-se por Grândola, Santiago do Cacém, Sines e Odemira.

– Dilicie-se com os Aromas e Sabores de uma gastronomia de excepção e a uma diversificada oferta hoteleira o Alentejo é hoje uma das mais relevantes regiões vitivinícolas do País. Percorra a Rota dos Vinhos e visite algumas das mais belas vilas e cidades alentejanas. E porque um bom vinho pede um bom petisco, delicie-se com as entradas, a queijaria e a charcutaria alentejana, os torresmos, os pimentos assados, a salada de polvo e os pezinhos de coentrada. Depois, há imperdíveis como osensopados, as migas, as excelentes carnes de caça, as caldeiradas, a sopa de cação e os peixes grelhados. No final, prove os doces conventuais, as queijadas de requeijão, a sericaia com a ameixas  tudo combinado com os excelentes licores da região.

–  Para os amantes da arqueologia, o Alentejo reúne o maior conjunto de dólmenes e menires de toda a Península Ibérica, especialmente nos distritos de Évora (onde estão referenciados mais de 150 monumentos megalíticos) e de Portalegre. Faça um circuito pela pré-História e visite o Cromeleque dos Almendres (um dos mais relevantes monumentos do género na Europa) e a Anta Grande do Zambujeiro (o maior dólmen de Portugal), ambos em Évora, e o Menir de Meada, o mais alto da Península Ibérica, com sete metros acima do solo, em Castelo de Vide.

– Célebre pelos seus tapetes bordados à mão, Arraiolos é um ponto de visita obrigatória. Também Portalegre ganhou fama com suas tapeçarias, especializadas na reprodução de obras de arte de pintores portugueses e estrangeiros.  Mértola e Monsaraz são também célebres pelas suas mantas tecidas e Nisa pelos seus bordados. Não esquecendo os bonecos de Estremoz, os chocalhos de Viana do Alentejo, os típicos couros, o mobiliário pintado e a olaria de Flor da Rosa;

– Descubra  os grupos corais tipicamente alentejanos, que cantam a melancolia, o amor, o trabalho no campo;

– Visite o Centro Ciência Viva de Estremoz e Centro Ciência  do Lousal, o Monte Selvagem, Marina da Amieira, o Centro de Educação Ambiental de Vale Gonçalinho em Castro;

Para mais sugestões consulte: http://www.turismodoalentejo-ert.pt/downloads/brochura.pdf

Anúncios